Blog Editorial

Shounen: Top 5 melhores protagonistas da demografia

©Shounen Jump/Yusuke Murata

Shounen é, provavelmente, a demografia de mangás mais conhecida entre o meio otaku brasileiro. Tendo vários títulos muito enraizados na nossa infância, como Dragon Ball, Cavaleiros do Zodíaco e Naruto.

O nome da demografia se deu a partir do público alvo, garotos. Mas não é por ter esse nome que a demografia se limita apenas a esse grupo.

Conforme mais você consome desse tipo de obra, mais você percebe seus clichês, fórmulas e meios narrativos, principalmente se ler muitos títulos da famosa revista Shounen Jump. A revista publica a grande maioria dos grandes títulos da demografia por aí, como: Boku no Hero, One Piece Chainsaw Man.

Um elemento comum dentre todos esses mangás, além dos ditos clichês, são seus protagonistas que tentam ser a maior força da narrativa conforme você lê. E é disso iremos falar hoje.

No texto de hoje iremos apresentar alguns protagonistas que, também são pontos marcantes e positivos das suas histórias, se mostrando diferentes da maioria mais padronizada e até conseguem fugir dos arquétipos da demografia.

Allen Walker – D.Gray Man
©TMS Entertainment/Yoshiharu Ashino/Katsura Hoshino

Abrindo o Top 5 daquele jeito, vamos falar sobre um dos protagonistas mais “underrated” da Shounen Jump, mas ainda assim, um dos melhores: Allen Walker de D.Gray Man.

A história de D.Gray Man gira em torno da luta eterna entre a Ordem Negra dos exorcistas, armados com suas Innocence, armas e poderes de origem mística, contra o exercito de Akumas do Conde do Milênio, que tem como objetivo trazer o apocalipse ao mundo.

Allen é o eixo central da história, tendo um passado relacionado ao Conde do Milênio por ter transformado o próprio pai em um Akuma.

Mesmo tendo cometido esse pecado e sendo amaldiçoado por conta disso, Allen não deixa de ter certo otimismo. Inclusive, sem perder o profissionalismo e seriedade para lidar com seus inimigos, os Akuma e os Noah.

Essa seriedade subita é o que torna Allen um protagonista diferente em seu meio, fazendo seu lado humano, amigável e até “clichê” brilhar em meio a trama do mangá.

Além disso, conforme a obra vai se desenvolvendo mais complexa e sombria ela se torna. E é isso o que transforma o garoto na literal luz do leitor em meio ao caos.

Medaka Kurokami – Medaka Box
©Weekly Shounen Jump/NisiOisiN/Akira Akatsuki

Passando agora para a protagonista feminina mais impactante de toda a Shounen Jump, escrita pelo mestre NisiOisiN, autor de Monogatari Series, Medaka.

A história de Medaka Box gira em torno do conselho estudantil formado por ela e seu amigo de infância, Zenkichi Hitoyoshi. Quando foi eleita presidente, Medaka instalou uma caixa de sugestões chamada “Medaka Box”, com a intenção de ajudar todos os estudantes da escola.

Vendo a premissa assim, parece apenas um mangá de comédia comum, embora bizarro, mas a história vai escalando de uma forma muito absurda e divertida. Logo, conforme se desenvolve a história, sempre vemos a vontade de Medaka em querer ajudar seus amigos.

Toda a intenção em cima da história e da protagonista é de parodiar e brincar com todos os clichês da demografia e fazer piada com a revista da Jump.

Medaka é uma personagem carismática e divertida que sabe fazer das fórmulas de Shounen serem seu charme, marcando uma presença absurda no mangá.

Shio Oogura – Nobunagun
©Bridge/Nobuhiro Kondou/Hisa Masato

Agora, falando de outra obra bem “underrated” ao grande público, mas que é muito divertida de se ver, Nobunagun.

A história fala sobre Shio Oogura, uma estudante comum que acaba no meio de uma batalha alienígena em Taiwan. Posteriormente, no meio do combate, ela acaba despertando a alma de Oda Nobunaga que estava dentro dela com uma das E-Balls, se tornando Nobunagun.

Nobunagun passa bem despercebido no radar da comunidade, mas sua história divertida e carisma desenfreado de Shio são muito bons de se assistir.

A impressão de personagem fraca e padrão de slice of life colegial some em um instante para dar espaço a alguém feroz, destemida e muito forte. A ideia dela estar junta de Oda Nobunaga, Daimiou da era Sengoku, faz sua personalidade mudar e talvez se tornar a maior arma contra a invasão alienígena.

Koro-sensei – Assassination Classroom
©Lerche/Seiji Kishi/Yuusei Matsui

Agora, falando de um personagem muitíssimo interessante, que é tanto protagonista quanto antagonista da sua obra. Nosso querido professor que não pode ser morto: Koro-Sensei de Ansatsu Kyoshitsu.

A história de Assassination Classroom gira em torno dessa criatura que se diz um alienígena, que já destruiu a lua e ameaçou todo o mundo em querer destruir a Terra. Para impedí-lo, os estudantes da classe E da escola Kunugigaoka deverão matá-lo.

A história de Ansatsu é interessante pela sua ideia de usar coisas moralmente erradas, como assassinato, para ensinar coisas boas para a vida dos alunos e Koro-Sensei é a epítome disso.

O suposto alien imortal e super poderoso realmente tenta ser o melhor professor possível, passando todo tipo de lição que seus alunos precisam, na mesma medida que também aprende com eles. Tendo em vista também que sua vida não foi muito boa. Infelizmente falar demais sobre o tema é spoiler.

Koro-Sensei é sem dúvida um dos protagonistas mais interessantes e especiais da Shounen Jump, dando valorização a profissão de professor ao mesmo tempo que mostra que qualquer coisa pode te ensinar lições boas.

Haru Glory – Rave Master
©Weekly Shounen Magazine/Hiro Mashima

Para finalizar, vamos falar do irmão mais velho de Fairy Tail e o mangá que deu início a carreira de Hiro Mashima, Rave Master.

Rave conta a história de Haru Glory, um morador da Ilha Garagem que um dia encontra uma estranha criatura chamada Plue. Após salvá-lo, Haru acaba entrando em uma jornada para recuperar os pedaços da pedra mística Rave e salvar o mundo com o próximo Rave Master.

Caso você já tenha lido Fairy Tail, você consegue entender todas as manias narrativas que Rave vai ter, mas diferente de seu sucessor, aqui a história é mais centrada em seu protagonista.

Haru é um protagonista bem típico da demografia, mas seu carisma e determinação são escritas de forma bem diferente do costume. E é tudo isso que faz com que ele não seja alguém fraco ou ingênuo demais, fazendo contraste até com Natsu em Fairy Tail.

Veja mais recomendações

Visite os nossos parceiros! Nerd Sem Óculos, Animeverso e Blog LD

Posts relacionados

Dandadan: conheça mais sobre o peculiar mangá

Marcelo Almeida

Wonder Egg Priority e seus temas sensíveis

Marcelo Almeida

Eighty-Six: conheça um pouco sobre Vladilena Milizé

Marcelo Almeida
error: O conteúdo está protegido !!